A importância da pesquisa qualitativa

Você já viu aqui no blog do Instituto PHD que fazer uma pesquisa de mercado antes de iniciar um negócio é algo primordial. Entre os tipos de pesquisas temos a quantitativa e a qualitativa. Hoje mostraremos a você um pouco mais sobre a Pesquisa Qualitativa. Você saberá por que este tipo de pesquisa é tão importante para quem quer obter sucesso em uma empreitada. Principalmente se você está começando um empreendimento novo. Veja onde usar as pesquisas qualitativas.

Pesquisas Qualitativas - Instituto PHD

Pesquisas Qualitativas – Instituto PHD

Conheça as soluções do Instituto PHD para pesquisas qualitativas, e entre em contato agora mesmo para solicitar um estudo

O que é uma pesquisa qualitativa?

A metodologia de pesquisa qualitativa é aquela na qual o pesquisador busca obter resultados aprofundados através da averiguação com certo número de pessoas. Por se tratar de uma pesquisa exploratória (que busca definir como é um cenário), é recomendada para quem deseja fazer uma busca mais geral e depois definir pontos mais específicos. Ou seja, o público que vai responder a pesquisa qualitativa é que vai ajudar a definir como é o cenário para um produto ou serviço.

Para ilustrar como é feita uma pesquisa qualitativa, vamos usar um exemplo: uma empresa que trabalha com produtos de limpeza precisa saber como está sua imagem no mercado perante a concorrência. Como não há nenhuma premissa sobre a imagem da empresa na opinião dos usuários, escolhe-se um público alvo e faz-se uma série de questões abertas. Neste exemplo, a empresa escolheria diversas pessoas para saber quais são as impressões delas em relação ao produto.

Diferentemente do modelo de metodologia quantitativo, a pesquisa qualitativa busca se aprofundar nas questões e não em resultados estatísticos. Por isso, sua metodologia é mais complexa. Normalmente quando as perguntas são mais abertas, as respostas também tendem a ser mais longas e difíceis de interpretar. Fazer questões que dão liberdade aos entrevistados ajuda a formar o cenário da pesquisa. Por isso, é primordial fazer este tipo de abordagem.

As dificuldades de se fazer uma pesquisa qualitativa (em relação à quantitativa) não se limitam a apuração dos dados. Conseguir um público alvo disposto a responder muitas perguntas não é uma tarefa fácil. Na hora de fazer as perguntas em profundidade, a metodologia qualitativa também se mostra mais complicada que a quantitativa. Isto acontece porque é necessário deixar o grupo participante da pesquisa o mais livre possível e ainda demonstrar neutralidade na hora das questões.

Benefícios da metodologia de pesquisa qualitativa

Como dito antes, a pesquisa qualitativa permite ter uma visão mais ampla de um cenário. Ou seja, só com perguntas feitas com profundidade é possível chegar mais próximo do que o cliente (no caso o público pesquisado) pensa. Quando você dá a opção das pessoas falarem o que desejam a respeito de um produto ou serviço, é provável que você consiga novas respostas. E novas respostas significam chances de novos negócios.

A pesquisa qualitativa, tanto a Focus Group quanto a em Profundidade deve ser usada principalmente antes de se abrir ou expandir um negócio, quando ainda não temos noção de como é o cenário do mercado consumidor. Este tipo de pesquisa é perfeito para descobrir em que solo pisaremos e quais são os melhores caminhos que devemos seguir para conseguir sucesso nos negócios. Seja ele qual for. Esta metodologia de pesquisa de opinião é válida também para investigar o motivo da satisfação ou insatisfação de um grupo de clientes. Às vezes apenas a abordagem quantitativa não é suficiente para uma investigação completa!

Você também vai gostar desses artigos:

Esta entrada foi publicada em Análise de Concorrência, Cliente Misterioso/Oculto, Dicas PHD, Pesquisa de Satisfação, Pesquisas de Mercado, Pesquisas de Opinião, Pesquisas Qualitativas. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

9 respostas a A importância da pesquisa qualitativa

  1. André Lorenz disse:

    Entender as necessidades do público não só te dá a possibilidade de melhorar mas também de criar novos produtos.
    Apesar de demandar maior quantidade de tempo, pesquisas qualitativas são essenciais e constituem um investimento, que outrora intangível, hoje caminham a necessidade básica, pois um erro pode significar a derrota para seus concorrentes.
    Uma estratégia de marketing mal feita, sem considerar nichos de mercado e opinião pública, tem danos proporcionais ao capital utilizado do início até o produto final.
    Colocar seu projeto a prova, por meio das pesquisas, é um elemento indispensável para o sucesso.

  2. Bruno Gaspar disse:

    Muito bom o blog de vocês. Acho que a maioria das empresas deveria seguir essa linha e criar um canal de comunicação direta com o seu cliente/ público alvo, com conteúdos interessantes e relevantes.

    Os artigos, tanto esse quanto os outros, foram bem esclarecedores mas eu gostaria, se possível, de sugerir um assunto do qual eu tenho bastante dúvidas e não encontro muitas referências boas na internet, Market Share.

  3. gislene de lima almeida disse:

    adorei o blog,pois tem tudo ,bem explicado, do jeito que eu gosto.

  4. Raimundo Nonato Alves de Medeiros disse:

    Muito bom seu blog, esclarece as coisas como devem funcionar.

  5. Vania Queiroz disse:

    Gostei, muito bem explicado e exemplificado, grande ajuda para minha pesquisa acadêminca.
    valeu!!

  6. gostei da pagina, creio que das próximas vezes devem aprofundar mais os conteudos.

Clique em uma aba para escolher de que forma prefere comentar no Instituto PHD

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>